Revista ex æquo número 36 | 2017

DOI: https://doi.org/10.22355/exaequo.2017.36.00

Editorial

Virgínia Ferreira

Faculdade de Economia/Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, Portugal 

Dossier "Género, educação e cidadania: conhecimento, ausências e (in)visibilidades"

Género, educação e cidadania: que "agenda" para a investigação científica e para o ensino e a formação?

Teresa Alvarez*, Cristina C. Vieira** e Joanna Ostrouch-Kamińska***

* Centro de Estudos das Migrações e Relações Interculturais (CEMRI)/Universidade Aberta, Portugal
** Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS 20) e Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, Portugal
*** Faculty of Social Sciences, University of Warmia and Mazury in Olsztyn, Olsztyn, Poland

Género e (in)sucesso escolar: perspetivas de professoras/es do ensino básico sobre possíveis consequências da feminização do ensino

Maria Helena Santos

Centro de Investigação e Intervenção Social, Instituto Universitário de Lisboa (CIS-IUL), ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal

La perspectiva de género en la formación inicial del profesorado de educación infantil. Notas sobre una investigación realizada entre el alumnado del grado de magisterio de educación infantil de la universidad de Cantabria (España)

Marta García Lastra

Facutad de Educatión, Universidad de Cantabria, España

Jovens estudantes universitários/as perante a futura vida profissional e familiar: a marca do género  

Sofia Coelho* e Sara Falcão Casaca**

* Instituto Superior de Economia e Gestão, Universidade de Lisboa (ISEG-ULisboa), Portugal 
** Instituto Superior de Economia e Gestão, Universidade de Lisboa (ISEG-ULisboa), Portugal 

Violência no namoro na Escola Superior de Educação de Lisboa

Ana Gama*, Ana Veríssimo** e Catarina Tomás***

* Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais (CIED), Escola Superior de Educação de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa, Portugal
** Escola Superior de Educação de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa, Portugal
*** Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA), Universidade do Minho; Escola Superior de Educação de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa, Portugal

Armarios de papel: el heterosexismo en los manuales de Español como Lengua Extranjera  

Maria Salvia Rodríguez

Universidad Internacional Menéndez Pelayo, España 

Para uma visão complexa do bullying  homofóbico: Desocultando o quotidiano da homofobia nas escolas

Hugo M. Santos*, Sofia Marques da Silva** e Isabel Menezes***

* Centro de Investigação e de Intervenção Educativas (CIIE), Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação (FPCE), Universidade do Porto, Portugal
** Centro de Investigação e de Intervenção Educativas (CIIE), Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação (FPCE), Universidade do Porto, Portugal
*** Centro de Investigação e de Intervenção Educativas (CIIE), Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação (FPCE), Universidade do Porto, Portugal

Gender in contemporary Italian context. A focus on informal education and proposals for a gender sensitive approach through intergenerational and intercultural dimensions

Lisa Brambilla*, Giulia Pozzebon** and Marialisa Rizzo***

* Department of Human Sciences for Education «Riccardo Massa», University of Milano-Bicocca, Italy
** Department of Human Sciences for Education «Riccardo Massa», University of Milano-Bicocca, Italy
*** Department of Human Sciences for Education «Riccardo Massa», University of Milano-Bicocca, Italy

Diversidade de género na infância e na educação: contributos para uma escola sensível ao (trans)género

Sandra Palma Saleiro

Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES), Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), Portugal

Brincar ao género: socialização e igualdade na educação pré-escolar

Catarina Sales Oliveira* e Andreia Mendes**

* Departamento de Sociologia, Universidade da Beira Interior, Covilhã, e Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), Portugal
** Mestre em Sociologia pela Universidade da Beira Interior

Estudos e Ensaios

A inexpressiva representação feminina nas academias científicas brasileiras e no Prêmio Nobel

Marcel de Almeida Freitas* e Eduardo Godinho Pereira**

* Faculdade FEAD, Belo Horizonte, Brasil
** Faculdade de Direito de Contagem, Minas Gerais, Brasil

Que horas ela volta?  Percepções do discurso fílmico por blogueiras feministas do Brasil

Denise Castilhos de Araújo* e Poliana Lopes**

* Universidade Feevale, Novo Hamburgo, Brasil
** Universidade Feevale, Novo Hamburgo, Brasil

Recensões

Sexualidades, gravidez e juventude: relações sociais e educativas, organizado por Laura Fonseca e Sofia Santos. Porto: Edições Afrontamento, 2015, 312 pp.

Preciosa Fernandes

Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto, Portugal  

Filosofia e Género. Outras narrativas sobre a tradição ocidental, de Fernanda Henriques. Lisboa: Edições Colibri, 2016, 256 pp. 

Maria do Céu Pires

Doutora em Filosofia, Centro LABCOM. IFP, Núcleo da Universidade de Évora, Portugal

Como ser uma Ragazza: Discursos de sexualidade numa revista para raparigas adolescentes, de Sara Isabel Magalhães. Saarbrücken: Novas Edições Acadêmicas, 2016, 353 pp.

Nuno Santos Carneiro

Membro do Centro de Psicologia da Universidade do Porto – Bolseiro de Pós-Doutoramento da FCT (SFRH/BPD/68661/2010), FPCE-Universidade do Porto, Portugal

La comunicación en clave de igualdad de género, coordenado por Virgínia Martín Jiménez y Dunia Etura. Madrid: Editorial Fragua, 2016, 134 pp.

Carla Cerqueira

Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho, Portugal
Universidade Lusófona do Porto, Portugal

Géneros e sexualidades: interseções e tangentes, editado por João Manuel de Oliveira e Lígia Amâncio. Lisboa: Centro de Investigação e de Intervenção Social (CIS-IUL), 2017, 222 pp.

Mara Pieri

PhD student at the Centre for Social Studies, University of Coimbra, Portugal